Neuro arquitetura: descubra o que é e como ter na sua casa

04/05/2022

A arquitetura é aquela boa mistura entre as humanas e as exatas. São os artistas responsáveis por criar ambientes belos do ponto de vista estético, mas também funcionais para quem contrata os serviços.

São diversos pontos que precisam ser levados em consideração para um serviço bem prestado. Além disso, existe o efeito da moda que cria tendências, mas também deixa alguns modelos ultrapassados.

A arquitetura está sempre se reinventando, e atualmente uma das metodologias mais importantes é a neuroarquitetura, que se baseia em conceitos científicos-comportamentais para criar espaços cada vez mais personalizados.

Venha descobrir o que é e como ter na sua casa!

O que é neuroarquitetura?



Você já se deu conta como a disposição dos móveis ajuda ou atrapalha na sua produtividade? Ou até mesmo como a iluminação impacta a qualidade do seu sono e a sua disposição?

Dúvida?

Experimente levar o lixo da pia da cozinha para a mesa e fazer um jantar. Quantos passos você precisa andar para descartar as cascas de cada legume que corta ou pedaço de carne que limpa?

A disposição dos móveis, formato e divisão de ambientes e até mesmo a cor das paredes possui um impacto profundo na rotina de qualquer espaço. A neuroarquitetura é um ramo da área que se baseia na neurociência e na psicologia comportamental para criar espaços cada vez mais otimizados.

Personalidade de cada pessoa no centro



Pensando dessa maneira, podemos compreender que essa é uma forma de trabalho que privilegia a personalidade de cada pessoa, assim como a sua demanda por adaptações e necessidades específicas.

Se, em uma casa, a cozinha é o centro de convívio, então precisa ser um espaço mais amplo, bem iluminado, com bancadas que permitam um preparo ágil de diversas coisas ao mesmo tempo. Do contrário, pode ser um ambiente mais reservado para preparos rápidos.

Perceba que o principal ponto é prestar atenção naquilo que cada pessoa considera mais importante para si, considerando o que a ciência diz a respeito.

Como colocar neuroarquitetura para dentro da sua casa?



Mesmo que você seja um excelente decorador, é fundamental contar com um profissional para ajudá-lo com isso. Ele se dedica a estudar a área e pode ajudá-lo a tomar melhores decisões.

Podemos citar o exemplo clássico das cores de lâmpada. As amarelas trazem mais conforto e aconchego, enquanto as brancas estimulam a produtividade. Porém, esses detalhes sutis estão por toda a parte.

Encontramos exatamente o mesmo contraste ao compararmos estilos rústicos ou industriais, cores quentes ou frias, cadeiras de madeira ou estofadas, dentre muitos outros.

Para encontrar arquitetos com essa especialização, saiba que é preciso investigar a fundo, com o maior foco na prova social dos seus antigos clientes.

Afinal, mesmo um rico portfólio não pode te entregar detalhes sobre a funcionalidade do espaço, apenas uma rotina dentro dele. Quem tem essa experiência são os clientes, portanto, os únicos que realmente podem relatar como se sentem a respeito dos projetos.

Aqui nós postamos conteúdos exclusivos para ajudá-lo a agregar valor ao seu imóvel. Acesse nosso blog para conferir!


loading...
carregando
Atendimento Online

Insira seus dados e inicie uma conversa